The Answer



Eu não me contenho em mim,
As vezes tenho vontade de escapulir pelo meu ouvido 
E entrar vagarosamente pelas cordas de uma harpa

Sem interrupções,invenções ou aborrecimentos dos dias de hoje

Sem o sorriso treinado e polido para impressionar.


Só estar lá,
Tendo como única companhia,
O som e o eco.


Sem as mentiras dessa gente tão sincera e justa.
-Mostre-me sua cara! - Eles dizem.

E eu replico:
-Mostre-me seus rins e seu diafragma.
Então saberei se suportam a força do grito.
Porque eu sou esse grito vibrante,
Sem ritmo algum,
que sai cético e reticente,mas que não posso reter.

2 comentários:

ana carla 1 de janeiro de 2010 13:39  

você escapuli pelos dedos toda vez que escreve

bliss 3 de janeiro de 2010 18:26  

triste como ecos que ninguém escuta hahaha

Postar um comentário

ahn?

Seguidores